Marmitas de Verão





Quem, como eu, costuma todos dias levar a marmita do almoço para o trabalho, deve também chegar a esta altura em que o tempo começa a aquecer e deixa de ter vontade de "comida de tacho". Começa a apetecer comidas mais leves e frescas e as saladas são uma óptima opção.

Saladas de tudo e mais alguma coisa, saladas de "restos" mas, saladas.

O ano passado experimentei pela primeira vez fazê-las (montar/transportar) em frascos. O que mais gostei neste método?
O molho que eventualmente possa ser usado não se entorna e, como fica no fundo do frasco, só fica em contacto com um (ou dois) dos ingredientes, evitando que tudo já esteja "mole" quando chegar a hora de comer.

Experimentei também fazer saladas em série, e mesmo ao fim de três dias "enfrascadas" não lhes notei diferença nem no sabor nem na consistência dos alimentos.

Marmitas simples e saborosas.

Quem desse lado também costuma enfrascar o almoço?





1 comentário:

  1. Boa opção :)
    Nunca experimentei, mas quem sabe se não será este ano ;)

    ResponderEliminar